domingo, 2 de agosto de 2015

CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA: Quarta (05/08), às 09h, no Pátio da GTRAN

Vale lembrar que nossa paralisação, na verdade. quer dizer mobilização. Na próxima quarta, teremos uma assembléia a partir das 09h, na GTRAN, onde após os informes sairemos em caminhada até a Praça Municipal.

Todos os servidores devem estar fardados e conscientes da responsabilidade que cabe a cada um de nós. Exija a presença do seu colega de setor, para benefícios coletivos a luta tem de ser de todos.

Estaremos divulgando um calendário de visitas as estações e postos de trabalho para convocar a categoria para esse importante e decisivo momento.

Diretoria da ASTRAM

Meios de comunicação já estão divulgando nossa paralisação de 48h



A TARDEServidores da Transalvador decidem paralisar por 48 horas

Servidores da Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador) decidiram, em assembleia realizada na sede do órgão na manhã desta sexta-feira, 31, paralisarem as atividades por 48 horas nos dias 5 e 6 de agosto.

Conforme a Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (Astram) os trabalhadores deliberaram por paralisar as atividades pela negativa nas negociações da Data Base de 2015 e que seja divulgado um calendário de concursos para as áreas transporte e trânsito. Além disso o sindicato alega que servidores da área de transporte foram transferidos para a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) em fevereiro e ainda não retornaram as suas funções no órgão de trânsito.

A reportagem do Portal A TARDE entrou em contato com as assessorias da Semob e Transalvador, que informaram que só iriam se posicionar sobre o caso no sábado, 1º.


ARATU ON LINE - Servidores da Transalvador decretam paralisação a partir da próxima quarta (05)

Em assembléia realizada na manhã de hoje (31), que teve início às 08h, os servidores da Transalvador decidiram paralisar as atividades durante 48 horas a partir da próxima quarta-feira(05).

Segundo informações da Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (ASTRAM), a decisão de greve é por conta do resultado negativo na negociação da Data Base 2015. Além disso a categoria ainda reinvidica o retorno de alguns servidores que foram transferidos para a Secretaria de Municipal de Mobilidade, e a divulgação de um calendário de concurso para as áreas de trânsito e transporte, já que o último concurso realizado foi no ano de 2003.


SUBURBIO NEWS - Servidores da Transalvador decretam paralisação de 48 horas, a partir da próxima quarta (05)

Em assembléia realizada na manhã de hoje (31), os servidores da Transalvador decidiram paralisar as atividades na próxima quarta e quinta-feira (05 e 06/08).

Tal decisão é decorrente da falta de avanços nas negociações da Data Base 2015 e o não retorno dos servidores transferidos na calada da noite para SEMOB. “As negociações da Data Base se arrastam desde o mês de maio e após diversas reuniões não houve nenhum avanço, nem percebemos boa vontade da administração com nossa pauta de reivindicações. Os servidores da área de transporte foram transferidos para SEMOB no mês de janeiro na maior agilidade, agora para retornarem para Transalvador está sendo esta morosidade”, disse Luiz Bahia, presidente da Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (ASTRAM).

Outra reivindicação da categoria é a divulgação de um calendário de concurso para as áreas de trânsito e transporte, o último concurso ocorreu em 2003. “Nos causa ainda mais estranheza ver o Superintendente Fabrizzio Muller dizer que vai ampliar o número de monitores terceirizados que atuam nos Pólos Geradores de Tráfego, ao invés de abrir concurso. Do jeito que as coisas estão, vão entregar todo sistema de trânsito e transporte para iniciativa privada e daqui a pouco teremos como única atribuição multar. Demoramos muito para conseguir que nossa atividade fosse reconhecida e inserida na Constituição Federal, através da Emenda Constitucional nº 82/14, e não vamos deixar nossas funções serem usurpadas, concluiu André Camilo, vice presidente da ASTRAM.

BAHIA TODO DIA - Servidores da Transalvador paralisam atividades por 48 horas

Em assembléia realizada nesta sexta (31), servidores da Transalvador decidiram paralisar as atividades durante 48 horas na quarta (05) e quinta (06). Segundo a Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (Astram), a decisão de greve é por conta do resultado negativo na negociação da com a prefeitura.

Além de reajuste salarial, a categoria reivindica retorno de alguns servidores que foram transferidos para a Secretaria de Municipal de Mobilidade e a divulgação de um calendário de concurso para as áreas de trânsito e transporte, já que o último realizado foi em 2003.

Na quarta (05), os servidores farão assembleia na Gtran e logo depois uma caminhada até a Praça Municipal. 

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Bocão News: Só falta ele colocar os soteropolitanos à venda, dispara Hilton sobre ACM Neto


O processo de licitação da prefeitura para definir a nova empresa que administrará o estacionamento público em Salvador (Zona Azul) foi alvo de duras críticas do vereador Hilton Coelho (PSOL) nesta sexta-feira (31) em entrevista ao Se Liga Bocão, na Itapoan FM.

O socialista disse que desde o início da gestão do prefeito ACM Neto, houve aumento da tarifa de estacionamento em vias públicas, com diminuição, em contrapartida, de repasse feito aos guardadores. 

Segundo ele, a reorganização é um processo de privatização e “uma indução ao aumento nos estacionamentos privados. Só tá faltando o prefeito ACM Neto colocar os soteropolitanos à venda”, disparou.

"Não temos vontade de ser oposição, mas nesse mar de conservadorismo que está aí não dá pra ficar", disse, reiterar que o partido terá candidatura própria em Salvador, nas eleições municipais.

Hilton falou também que a prefeitura pretende expandir os ganhos com a mobilidade urbana de Salvador, a exemplo da Linha Viva, via que cortará a cidade com 18 praças de pedágio, e deve gerar, segundo ele, o maior desmatamento da cidade e um grande número de desapropriações. Ele afirmou que projeto para a obra já está na Câmara de Vereadores e pode ser votado a qualquer momento.

Hilton disse que foi o único vereador a defender uma linha direta do metrô para Cajazeiras, a fim de desafogar o miolo da cidade, e que houve mudança no trajeto por conta da pressão do setor imobiliário para que o metrô passasse pela Avenida Paralela.

Fonte: Bocão News

Metro 1: Novos donos da rua: Zona Azul será privatizada e já tem empresa favorita

O modo de o soteropolitano utilizar os estacionamentos públicos vai mudar. Se hoje o sistema é composto pelas áreas de Zona Azul, de arrecadação ligada à Prefeitura, com o novo sistema de estacionamento adiantado pela Metrópolena última segunda-feira (27) e confirmado pelo secretário de Mobilidade Fábio Mota na terça (28), a forma será outra.


“Teremos uma empresa que será a administradora de todos os estacionamentos. O que estamos discutindo é se será parquímetro ou se será por monitoramento de câmera. Estamos definindo o modelo e vamos licitar para que a cidade possa ter um estacionamento em um nível diferente”, explica Mota.
Apesar da liberdade dada à futura responsável pela concessão, a Prefeitura deixa clara na Proposta de Manifestação de Interesse (PMI) que há uma lista de exigências. Entre elas, estão a determinação da construção de edifícios-garagem robotizados ou de garagens subterrâneas “priorizando a Barra e o Rio Vermelho”, como parte do projeto de revitalização da Orla.

ara tal mudança, a Prefeitura pediu propostas, por meio do Diário Oficial do Município (DOM). O resultado da seleção de projetos já saiu, e gerou curiosidade: apenas duas empresas manifestaram interesse em operar todas as 7.392 vagas hoje públicas de Salvador — e só uma tem, de fato, experiência no meio. O edital de licitação deve sair em pelo menos um mês.

R$ 2 milhões disputados por empresa especialista e outra sem experiência

Apesar do grande potencial lucrativo — custos de manutenção, por exemplo, hoje inexistem —, oficialmente só duas empresas enviaram projetos alinhados com a proposta da Prefeitura: a baiana Boulevard 161, “mais voltada à exploração de empreendimentos comerciais” — eufemismo da Semob para a ausência de experiência no ramo — e a paulista Hora Park, “com maior expertise na operação de estacionamentos públicos rotativos de grande porte”.

A empresa que tiver o projeto selecionado — alguém tem algum palpite? — vai receber R$ 2,1 milhões. Segundo Fábio Mota, a escolha será por outorga onerosa — o mesmo usado para escolher as empresas que operam o transporte público da cidade. O valor a ser pago ainda não foi estipulado. 

Prazo para licitação é de cinco meses

A proposta deverá estar concluída em aproximadamente 5 meses, quando finalmente haverá a licitação, baseada no projeto aprovado pela Prefeitura — que pode ser ou o da baiana Boulevard 161 ou o da paulista Hora Park. 
“Findo este prazo, será realizada uma licitação para concessão do serviço de estacionamento nos moldes do projeto e demais estudos que forem apresentados neste PMI”, esclarece a Semob. 

Especialista vê atual modelo como atrasado

Para o professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba) Elmo Felzemburg, especialista em Planejamento de Transporte, ao menos em relação ao modelo, a Prefeitura deu um passo à frente.
“Não tem um controle de pagamento e nem de uso dessas vagas por horário. Então, o que existe hoje é bastante atrasado e é necessário, realmente, uma modernização dessa forma de manejo do estacionamento público com o objetivo de resguardar os interesses da população para que ele tenha o uso adequado e mais justo”, opina. 

Tarifação como controle

Com as mudanças, a figura do guardador deve deixar de existir — embora a Semob diga que o guardador pode ser reaproveitado e contratado pela empresa. Por isso, a novidade não foi bem recebida pelos representantes do setor. O presidente do Sindicato dos Guardadores e Lavadores de Veículos Automotores do Estado da Bahia (Sindguarda), Melquisedeque de Souza, afirmou que a categoria está temerosa. “É evidente que a categoria se preocupa, mas eu acredito muito que nosso gestor municipal terá alguma providência”, afirmou.

Já o especialista Elmo Felzenburg acredita que a mudança deve vir junto com o controle dos congestionamentos. “Usar a tarifação também como controle de estacionamento, que é o que todas as cidades estão fazendo. E oferecer, em contrapartida, um sistema de transporte público mais moderno”, afirma.

Fonte: Metro 1

Varela Notícias - “É livre mercado. O empresário cobra o que quiser”, afirma Fabrizzio Muller sobre estacionamento privado

Privatizações de estações, terceirização de atividades que só cabem aos agentes de trânsito e transporte executar, vamos abrir os olhos e lutar, porque que nem disse o vereador Hilton Coelho, daqui a pouco ACM Neto vai "colocar os soteropolitanos à venda"


Na manhã desta sexta-feira (31), o apresentador Raimundo Varela voltou a comentar sobre a polêmica privatização da zona azul. O comunicador fez um comentário, cobrando o prefeito ACM Neto, que ouça a população, para que ela decida, através da administração participativa, se aceita ou não essa mudança.

“O assunto polêmico é essa história da privatização da zona azul. A prefeitura perdeu o poder de ingerência nos estacionamentos privados. Está tudo com liminar. Cada um explora o preço que quer e bem entende. Ontem recebi queixas na Avenida Tancredo Neves. Rapaz parou 40 minutos, pagou R$ 6. Na Zona azul. Então você pergunta, ‘quanto é uma hora num estacionamento em Salvador? Quem souber, morre.

Sem falar no aeroporto. Se você for deixar seu carro lá, passar 48h em outro estado. Você volta e está mais caro que a passagem, é assim. Então são quase 8 mil vagas na zona. Estou dizendo que a prefeitura perdeu o poder de dizer ‘é x o preço’. A mesma coisa que os shoppings, cada um cobra o que quer. A mim não cobra porque não vou lá.”

O superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller esteve na manhã de hoje no programa Balanço Geral e esclareceu para Varela algumas dúvidas sobre a zona azul. Varela iniciou questionando qual a regra para definição de preço nos estacionamentos privados.

Fabrizzio explicou que a prefeitura não tem gestão sobre isso. ‘É livre mercado. O empresário cobra o valor que quiser. O que tem que ser fiscalizado são algumas regras de funcionamento de estabelecimento”, esclarece.

Varela perguntou sobre as áreas que são públicas. O superintendente explica que nem todas as áreas de zona azul foram públicas. “As áreas públicas que são exploradas para estacionamento público são da Transalvador e tem as tarifas bem regulamentadas, agora, o estacionamento privado, em área privada, a gente não tem ingerência sobre o valor que eles cobram”, afirmou.

Sobre a privatização da zona azul, Muller afirma que a prefeitura está realizando estudos, fez a PMI (Proposta de Manifestação de Interesse Privado) para apresentar soluções para o estacionamento público on street e off street, ou seja, estacionamentos na rua e em outras áreas fechadas. “A prefeitura recebe propostas de diversas empresas que tem interesse em promover estudos sobre o estacionamento. A empresa Hora Park foi uma das que colocou a proposta que será analisada”.

Fabrizzio explicou os critérios de cobrança da zona azul, que é um valor estipulado e que têm três tipos. Muller esclareceu ainda que a regulamentação também serve para afastar o flanelinha clandestino que extorque os motoristas.

Varela encerra questionando se o prefeito ACM Neto não vai ouvir o povo sobre a privatização. Muller responde que sim. “Na verdade a zona azul hoje é um serviço mal avaliado pela população, porque muitas vezes não encontra o guardador, a cartela”. Ele explica que em função de ouvir a população, os estudos foram determinados. “ACM Neto quer trazer para Salvador um estacionamento de primeiro mundo. Esta é a função da PMI”, e concluiu afirmando que nada ainda está definido.

A categoria decidiu próxima quarta e quinta (05 e 06/08) é PARALISAÇÃO

Na assembléia realizada na manhã de hoje (31), na Sede da Transalvador, os servidores presentes deliberaram por uma paralisação de 48 horas, na quarta e quinta-feira da semana que vem (05 e 06/08).




Tal decisão é decorrente da falta de compromisso da administração com nossa pauta de reivindicações e pode ser evidenciada em três pontos:

1 - Falta de avanços nas negociações da Data Base 2015 - As negociações da Data Base se arrastam desde o mês de maio e após quatro reuniões não houve nenhum avanço, nem percebemos boa vontade da administração com nossa pauta de reivindicações.

2 - Não retorno dos servidores transferidos para SEMOB - Os servidores da área de transporte foram transferidos para SEMOB no mês de fevereiro na maior agilidade, agora para retornarem para Transalvador está sendo está morosidade.

3 - Calendário de concursos para as áreas de Trânsito e Transporte – O último concurso na área ocorreu em 2003 e estamos vendo a atual administração entregar todo sistema de trânsito e transporte para a iniciativa privada, muitos vezes terceirizando atividades fim, como os monitores controles de tráfego, que o Superintende prometeu até ampliar, ao invés de abrir concurso.

CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA

Vale lembrar que nossa paralisação, na verdade quer dizer mobilização. Na próxima quarta, teremos uma assembléia a partir das 09h, na GTRAN, onde após os informes sairemos em caminhada até a Praça Municipal.

Todos os servidores devem estar fardados e conscientes da responsabilidade que cabe a cada um de nós. Exija a presença do seu colega de setor, para benefícios coletivos a luta tem de ser de todos.

Estaremos divulgando um calendário de visitas as estações e postos de trabalho para convocar a categoria para esse importante e decisivo momento.

Diretoria da ASTRAM

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Aberta solicitação no TJ-BA para adiantar o processo dos 33,33%

Devido a vagarosidade com que a justiça vem tratando nosso processo relativo ao retroativo dos 33,33%, que está a quase dois anos parado, abrimos uma solicitação na Ouvidoria do Tribuna de Justiça da Bahia cobrando andamento no processo.

Segue abaixo e-mail da Ouvidoria do Tribunal de Justiça da Bahia, confirmando a abertura da solicitação nº 5324/2015




O número processo referente ao retroativo dos 33,33% é: 0092001-06.2011.805.0001 que está na 8ª vara da Fazenda Pública,

Continuaremos na lutando na justiça para receber o que nos é justo por direito, que é o valor total dos cinco anos, com juros e correção.

Diretoria da ASTRAM

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Convocação de Assembleia: É AMANHÃ (sexta, 31/07), às 07h. na Sede da Transalvador



Na próxima sexta-feira (31/07), a partir das 07h, estaremos reunidos na Sede da Transalvador, para realização de mais uma Assembleia Geral 


Teremos como pauta desse encontro os seguintes temas:

- Data Base 2015
- Situação da SEMOB
- O que oorrer.

Compareça, exija a presença do seu colega de setor, estamos esperando todos vocês!

Diretoria da ASTRAM


Campeonato de Futebol da ASTRAM 2015: Saiba como foi a segunda rodada da 2ª fase



No sábado (25/07), aconteceu a segunda Rodada da 2ª Fase do Campeonato ASTRAM 2015. E foi um dia de sol e muitos gols. 

No primeiro jogo do dia, o Bayer venceu de goleada o Estrela. por 6 a 0. Fred de falta abriu o placar aos 2', César Pessoa aumentou aos 8' e Cláudio Lázaro aos 11' fechou o primeiro tempo com 3 a 0. 

O ditado popular diz que, vira três, termina seis e o segundo tempo seguiu o ditado com Wilken 17' e os dois últimos de Cláudio Lázaro, aos 19' cobrando falta e aos 21' fechando a goleada. 

Cal fez 3 gols e agora está com 5 gols e ganhou seu primeiro ponto do Prêmio Bola de Ouro, quem se destacou na partida foi Wellington Ferreira (Estrela) que recebeu dois pontos no Bola de Ouro. No gol, Everaldo (Bayer) segue na liderança com 12 pontos, após pontuar mais três no sábado. Roque Lázaro (Estrela) levou o terceiro cartão amarelo e está suspenso para a última Rodada. 

No segundo jogo do dia, mais uma ótima partida de futebol e o Dois de Julho venceu o Semáforo por 3 a 2. No primeiro tempo, Edvaldo (2 Julho) abriu o placar aos 17'. Aos 3' do segundo tempo, Rubivan aumentou o placar, logo em seguida José Ronneimilson (2 Julho) levou o segundo cartão amarelo, e o vermelho automático. 

O Semáforo partiu pra cima e no contra ataque Gerson Neves fez 3 a 0 aos 9'. Aos 16' José Roberto diminuiu e só aos 24', no fim do jogo, Humberto, artilheiro do Campeonato com 7 gols, fez o segundo do Semáforo na partida. 

Sem tempo mais pra nada o time do Semáforo findou o seu ciclo no Campeonato e o sonho de voltar a conquistar o título ficou para 2016. 

O destaque do jogo ficou com Álvaro (2 Julho) com dois pontos e Samuel (Semáforo) com um ponto no Bola de Ouro e no Luvas de Ouro, Jacivaldo Cruz (2 Julho) com dois pontos e Marcos Ferreira (Semáforo) um ponto. Jacivaldo segue como segundo colocado na disputa do Troféu.

Na última Rodada da fase, semana que vem (01/08), teremos:

- 08h45, pelo Grupo C, BOCA JUNIORS x DOIS DE JULHO - Na briga pela liderança do Grupo e também pelo direito de jogar pelo empate nas semifinais. 

- 10h00, pelo Grupo B ÚLTIMA HORA x ESTRELA, jogo que finaliza a fase. 

O Semáforo finalizou sua campanha com 1 vitória, 1 empate e 4 derrotas, marcou 12 gols e sofreu 19, tem no momento o artilheiro e o Craque Bola de Ouro com Humberto Neves, assim como, Samuel Alves que segue em segundo na pontuação com 3 pontos.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO ASTRAM 2015, ATUALIZADA

Pará: 'Semob burla concursos públicos', diz MP sobre contratações no órgão

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) é alvo de inquérito do Ministério Público do Estado, que apura denúncia de improbidade administrativa no órgão. Segundo o MP, há uma “inquestionável burla ao princípio do concurso público” na superintendência, que contratou 100 profissionais para atuar no trânsito ao invés de convocar prova de seleção pública. A contratação se deu via empresa terceirizada, no valor de mais de R$ 4 milhões. Por meio de nota, a Semob informou que ainda não foi notificada oficialmente pelo Ministério Público.

A promotora de Justiça Elaine Castelo Branco, da 4ª Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa, encaminhou à presidente da Semob Maísa Sales Gama Tobias recomendação para que a contratação junto à empresa fosse paralisada no prazo máximo de trinta dias, com o afastamento da atuação do trânsito de Belém e distritos de todos os profissionais contratados.

De acordo com a promotora, em 04/05/2015 foi publicado no Diário Oficial do Município de Belém, processo para registro de preços com vistas à contratação de empresa especialização na área de recursos humanos para atuar no Apoio Operacional de Trânsito no sistema viário do Município.

A empresa Projel - Engenharia Especializada Ltda venceu a licitação pelo valor de R$ 4.020.000, com a previsão de contratação de 100 apoiadores de trânsito, por um período de 24 meses.

“Atualmente há a presença de 50 apoiadores de trânsito, em caráter temporário na Semob, o que representa uma clara e inquestionável burla ao princípio do concurso público, não havendo qualquer justificativa que permita encaixar tais contratações nos permissivos constitucionais de excepcional interesse público”, destaca a promotora.

Para Elaine Castelo Branco, todas as funções designadas para a atuação dos apoiadores de trânsito contratados temporariamente estão abrangidas pelas funções do cargo de Agente de Trânsito, o qual as nomeações para tal cargo se encontram em discussão judicial – a ação civil pública, que tramita perante a 1ª Vara da Fazenda da Capital, questiona a preterição dos aprovados para o cargo de Agente de Trânsito no concurso público realizado pela Semob.

Fonte: Portal G1

quinta-feira, 23 de julho de 2015

ASTRAM INFORMA: Portabilidade VIVO



Aos associados que pediram portabilidade para a VIVO, sendo clientes do plano OI/ASTRAM, a operadora efetuou a ativação das linhas portadas sem autorização, com isso, as linhas OI ficaram inoperantes.

Estamos tentando solucionar mais este problema e para minimizar os transtornos, estaremos entregando os chips ativos da VIVO. Inicialmente manteremos os mesmos valores cobrados pela antiga operadora, 

Pedidos desculpas pelo ocorrido e solicitados aos associados que, por favor, dirijam-se à ASTRAM para retirada do chip VIVO.

Diretoria ASTRAM

Solidariedade: Doação de Sangue - URGENTE !!!


Nosso colega Rogério Marinho, Agente de Trânsito e Transporte, está precisando de doadores de sangue para o seu pai, Sr. Raimundo da Silva Marinho.

Os doadores devem se dirigir ao STS Laboratório (Rua do Limoeiro, 179 - Nazaré) informando o nome da pessoa para quem está fazendo a doação, no caso, Sr. Raimundo da Silva Marinho, que está internado no Hospital da Cidade.

Importante: Pode ser doado qualquer tipo de sangue.

A ASTRAM e a família do nosso colega Rogério Marinho, agradece todos que puderem ajudar, 

Diretoria da ASTRAM

terça-feira, 21 de julho de 2015

Convocação de Assembleia: Quinta (23/07), às 08h, na Sede da Transalvador


Denuncia enviada aos meios de comunicação

Porque informações que deveriam ser públicas, continuam escondidas a sete chaves na Transalvador


“Cumprindo nosso dever de fiscalizar os atos da administração municipal com intuito de defender os interesses dos servidores municipais e da sociedade como um todo, muitas vezes temos nossa função prejudicada devido a gestores que acreditam estar acima da lei”, denuncia a direção da Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (ASTRAM).

A Lei de Acesso a Informações Públicas (Lei Federal nº 12.527/2011 e Lei Municipal nº 8.460/2013) garante o direito de acesso a informações públicas a todos os cidadãos. Qualquer pessoa pode pedir informações de seu interesse ou de interesse coletivo para qualquer órgão público, mas, infelizmente, não é isso que ocorre na Transalvador, segundo informações da ASTRAM.

“Desde o início da gestão de ACM Neto que temos tido dificuldades para ter acesso a documentos que são de caráter público e deviam estar à disposição de qualquer cidadão. Apesar de protocoladas e cobradas através de ofícios, o silêncio é regra na autarquia e nenhuma das nossas solicitações foi atendida até o presente momento”, afirmou Luiz Bahia, presidente da ASTRAM.

“Já protocolamos no Grupo de Atuação Especial de Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa (GEPAM), do Ministério Público, diversas denuncias a respeito das inúmeras irregularidades que ocorrem na Transalvador, mas é claro que as conclusões do GEPAM seriam facilitadas se os documentos solicitados tivessem sido entregues. Salientamos que estamos falando de denuncias gravíssimas como: assédio moral, desvio de função, farra na locação de veículos, indústria de multas, usurpação da função pública, terceirização de serviços, dentre outras", informou Adenilton Junior, diretor de Imprensa da entidade.

“Infelizmente, percebemos que outros setores estão adotando essa mesma prática. No atual momento estamos encontrando muitas dificuldades para obter respostas da Secretaria Municipal de Gestão, mas continuaremos denunciando aos meios de comunicação e órgãos de controle competentes todas as irregularidades encontradas na Transalvador, até que seja cumprida plenamente a Lei de Acesso a Informações Públicas, no município de Salvador”, concluiu Adenilton Junior.

Informações Complementares sobre a Lei de Acesso a Informações Públicas:

A Lei de Acesso a Informações Públicas (Lei Federal nº 12.527/2011 e Lei Municipal nº 8.460/2013) garante o direito de acesso a informações públicas a todos os cidadãos. Qualquer pessoa pode pedir informações de seu interesse ou de interesse coletivo para qualquer órgão público.

De acordo com a Lei de Acesso, o cidadão não precisa dar os motivos pelos quais quer acessar a informação solicitada, nem informar o que pretende fazer com ela. O órgão público não pode, ainda, condicionar a entrega da informação ao fornecimento de dados que constranjam o cidadão.

A Lei vale para os três Poderes da União, Estados, Distrito Federal e Municípios, inclusive aos Tribunais de Conta e Ministério Público. Entidades privadas sem fins lucrativos também são obrigadas a dar publicidade a informações referentes ao recebimento e à destinação dos recursos públicos por elas recebidos.

O prazo para que a entidade pública responda ao pedido é de 20 dias corridos. Ele pode ser prorrogado por mais dez dias, mas esse adiamento tem de ser justificado.

domingo, 19 de julho de 2015

Campeonato de Futebol da ASTRAM 2015: Saiba como foi a 1ª rodada da da 2ª fase



Neste sábado foi iniciada a segunda fase do Campeonato de Futebol da ASTRAM 2015. 

No primeiro jogo do dia, um jogão de bola entre o SEMÁFORO e BOCA JUNIORS. No 1° tempo, Gilmario (Boca) por duas vezes seguidas (7' e 10:30'min) fez 2 a 0 dando a impressão que seria um jogo fácil. Humberto também por duas vezes seguidas (15' e 18'min) empatou o jogo e 1 minuto depois, Samuel virou o jogo para o time do Semáforo (3 a 2). 

No 2° tempo, aos 14'min Pedro Lima (Semáforo) recebeu o 2° cartão amarelo e consequetemente o vermelho, ocorrendo a primeira expulsão do campeonato. Com um a mais em campo, o Boca foi só pressão e no último minuto do tempo regulamentar, em um cruzamento de Mardson, Luís Efreen de peixinho empatou o jogo finalizando em 3 a 3 o segundo empate do certame.


No jogo das 10h, o 100% ÚLTIMA HORA venceu mais uma vez o BAYER DOS BARRIS, desta vez por 2 a 1. Cleidinaldo Reis abriu para o U.H. aos 21 minutos, Cláudio Lázaro aos 7'min do segundo tempo empatou o jogo e Mauro Nunes aos 15'min fez o gol da vitória do único time que segue sem perder e que está com a classificação para as semifinais garantida. Nesta partida Antônio Mario e Felipe Reis, ambos do U.H. levaram o terceiro cartão amarelo e estarão suspenso para a próxima partida contra o Estrela dia 1°/08.

O destaque do dia foi para Humberto Neves (Semáforo) que recebeu 3 pontos no Prêmio Bola de Ouro e disparou na liderança com 7 pontos, seguidos por Luís Cláudio e Felipe Reis, ambos do U.H. que receberam 1 ponto e estão com 3 pontos cada. Quem também pontuou hoje foi Antônio Neto (Bayer) que agora está com 2 pontos. 

No Prêmio Luvas de Ouro, Marcos Ferreira (Semáforo) pontou pela primeira vez e somou 3 pontos. Everaldo Nascimento (Bayer) segue líder agora com 9 pontos no geral e pontuou com mais 2. Heliomar (U.H) recebeu 1 ponto e segue na briga com 6 no geral. Na artilharia agora estão Efreen e Gilmario (Boca) e Humberto (Semáforo) todos com 6 gols, seguido por Mardson (Boca) com 5.

Semana que vem o Campeonato segue com os seguintes jogos: 

- 08h45 - BAYER X ESTRELA 
- 10h00 - DOIS DE JULHO X SEMÁFORO. 

A luta pela classificação à terceira fase continua, haja emoção!